Vacinação contra gripe inicia em Ituverava

Inicia no próximo dia 23, segunda-feira, a vacinação contra a gripe em Ituverava. No Centro de Saúde Dr. José Ferreira Telles e demais postos do PSF nos bairros estarão
disponibilizando a vacina.
Apenas não estarão aplicando a vacina, o Posto Central (próximo do AME) e Capivari da Mata, distrito que terá equipe de vacina deslocada para o Dia “D”, que acontecerá no sábado, dia cinco de maio.
Os grupos prioritários para vacinação são: Idosos (acima de 60 anos); Crianças 6 meses a 4 anos 11 meses e 29 dias; Gestantes; Profissionais da saúde; Pacientes de comorbidades com prescrição médica; Puérperas (mulheres que tiveram fi lhos até 45 dias); Indígenas e Professores. Neste ano, a vacina protege também contra os vírus
H1N1, influenza B e  o H3N2, tipo que provocou um aumento significativo de casos e de mortes relacionadas à doença no Hemisfério Norte. Em Goiás, em virtude do aumento de casos de gripe. De acordo com Ione Márcia Mendonça de Castro enfermeira da Vigilância Epidemiológica, a principal importância da vacinação é evitar a contaminação e transmissão do vírus. Ela esclarece que a Influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. “A gripe é de elevada transmissibilidade e distribuição global, com tendência a disseminar facilmente em epidemias sazonais e também podendo causar pandemias”, alerta. A transmissão do vírus ocorre por vários meios,
seja por secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir e espirrar ou até pelas mãos. “Após contato com superfícies recém-contaminadas por secreções respiratórias pode levar o agente infeccioso direto a boca, olhos e nariz. Sendo assim a vacina é a prevenção”, completa a enfermeira.
No dia 12 de maio, será realizado também o dia “D”, com o intuito de reforçar a campanha e atingir a meta de vacinação esperada para esse ano, acima do ano anterior. Em 2017 a população atingida foi de 77,59% e esse ano a meta é de 80%.
Para receber as doses, os pacientes devem procurar o posto do PSF de origem
conforme o seu endereço.
“A minha expectativa é que a meta seja atingida para proteger a população alvo da
doença e também de suas complicações como hospitalização”, finaliza Ione.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.