Leilão em prol do Abrigo acontece no domingo

Será realizado amanhã, domingo, dia 29 de abril, mais uma edição do tradicional e importantíssimo
Leilão Beneficente em prol do Abrigo de Idosos Comendador Takayuki Maeda.
O evento será realizado pelo Lions Clube no Sindicato Rural de Ituverava, a partir das 12:30 horas,
quando estarão em pista 50 prendas doadas por produtores de Ituverava e região. Este ano a novidade será também o leilão de um automóvel Fusca. A expectativa é muito grande por parte dos organizadores, da diretoria do Abrigo e da população em geral, visto que este é o principal evento para a manutenção da entidade. A equipe organizadora, no entanto, confia na solidariedade dos arrematadores, que são colaboradores contumazes do evento e da instituição.
O Abrigo de Idosos tem em média 50 moradores, entre eles algumas pessoas acamadas. No local funcionam serviços de enfermagem 24 horas, contando ainda com médicos, fisioterapeutas, nutricionistas e equipes que inclui limpeza, cozinha, escritório e outros. A entidade, no entanto, é referência nacional em atendimento ao idoso necessitado e, sobretudo, em carinho para com seu assistido. A instituição possui enorme credibilidade da sociedade em seus 54 anos de atividades, sob a condução do Lions Clube.
A patronesse deste ano é a engenheira agrônoma Olga Maria Amendola Guerra. Ela, os presidentes
do Lions, Marco Antônio Bento e do Abrigo, Gustavo Ribeiro Rocha Chavaglia convidam todos a prestigiarem o evento. O leiloeiro mais uma vez será Marcelo Bonagamba que anualmente doa seu
trabalho para o sucesso do evento considerado vital para a continuidade do trabalho do Abrigo.
Para a população é de grande importância a contribuição com o abrigo de Idosos de Ituverava. “É
uma entidade responsável que acolhe os idosos com muito carinho”, observa Altina M. O. Carvalho, 36
anos, secretária. “Em minha opinião essa instituição é de grande relevância para nosso município”,
declara Bruno Fernando dos Santos, 32 anos, empresário. “O Abrigo de Idosos faz um trabalho
muito importante para nossa cidade”, confirma Maria Generosa dos Santos, 74 anos, aposentada.
“Tem idosos que não têm condições de comprar remédio, alimentos, para cuidar em casa e o Abrigo
oferece toda essa estrutura”, ressalta Maria dos Anjos, 66 anos, do lar. “É um trabalho maravilhoso”, exorta Maria das Graças Alexandre, 58 anos, professora de artes. “Uma obrigação da população,
é uma situação de cidadania”, conclama Meire Pereira Galindo, 65 anos, advogada. “É uma forma
da população como um todo estar ajudando, sentir bem em ajudar e colaborar com a instituição”, ressalta Afonso Correa Borte, 19 anos, estudante de Gastronomia.
“Oferecem um trabalho de acolhimento, de afeto, carinho e amor ao próximo”, enumera Gustavo Oliveira da Mata Gonçalves, 20 anos, estudante de design gráfico.  “É muito positivo o trabalho
oferecido pelo Abrigo de Idosos”, salienta José Miguel Chécchia Liporaci, 62 anos, jornaleiro. “Uma
entidade com ótima estrutura e que oferece trabalho de qualidade”, afirma Eliane Borges dos Santos, 39 anos, secretária. “O Abrigo de Idosos de nossa cidade tem uma infraestrutura muito boa”, lembra Paulo Victor Alves da Silva, 20 anos, vendedor. “O Abrigo de Ituverava mudou muitas coisas, sempre para o melhor”, define Lucas Aparecido Calimam Peraro, 31 anos, taxista. Confira abaixo os depoimentos
na íntegra colhidos pela reportagem.