Ituveravense pede ajuda para cirurgia na Espanha

Campanha “Todos por Ligia Neves” busca viabilizar recursos para viagem, medicamentos e procedimento

A enfermeira aposentada Lígia Helena Neves Pereira, 48, ituveravense, moradora em Guaíra, lançou campanha pedindo ajuda para obtenção de recursos devido a necessidade de tratamento médico fora do Brasil. Casada com também ituveravense Weber Rodrigo de Jesus Pereira, ela é mãe de um menino de 11 e de uma menina de 9. O casal
mudou-se para Guaíra, tendo em vista emprego do marido em Usina Colorado instalada no município. Eles estiveram na redação do Jornal O Progresso esta semana.
Lígia contou que foi diagnosticada com a “Síndrome de Arnold-Chiari tipo 1”, doença degenerativa que atinge o sistema nervoso central. Trata-se de uma má formação no crânio e sua principal característica é o deslocamento
para baixo do cerebelo para dentro do canal da coluna vertebral. Os sintomas costumam aparecer entre a terceira
e quarta década de vida e é degenerativa, causando fraqueza muscular, dormência, alteração da sensibilidade
dos membros, dor cervical, dificuldades de equilíbrio e até mesmo risco de morte súbita. “Essa campanha estou
fazendo para a cirurgia, que só é realizado essa técnica em Barcelona na Espanha. Descobri o diagnostico
há um ano e meio, dois anos. Minha expectativa está muito grande, tenho muita esperança”, detalha Lígia.
Ela revelou que os primeiros sintomas apareceram há cinco anos e que precisa realizar uma cirurgia em instituto especializado em Barcelona, na Espanha, para reduzir os riscos de morte durante o procedimento, que foi
agendado para o dia 16 de janeiro de 2019. Como a família não tem condições financeiras de arcar com os custos da
cirurgia e da viagem, Lígia busca ajuda de diversas formas, incluindo “ação entre amigos” com o sorteio
de uma moto 0 Km, cujos bilhetes estão à venda por R$ 40,00 (com dois números).
A campanha “todos por Ligia Neves” para a captação de recursos tem também página na internet para o recebimento das doações, no link https://www.vakinha.com.br/vaquinha/todos-por-ligia–neves. Como houve uma valorização
no Euro, o valor da cirurgia atualmente saltou para R$100 mil somente o procedimento cirúrgico. Ela ainda terá os custos da viagem e estadia em torno de 10 a 14 dias, além de precisar trazer medicamentos para seis meses, passagem aérea ida e volta, transporte terrestre aqui e lá, alimentação, entre outros. “Dentro do valor arrecadado
tem que pagar a moto e todo gasto pela campanha. O objetivo é utilizar o dinheiro para cirurgia e também me preparar para o retorno dentro de um ano e esse retorno depende da valorização do Euro”, informa A aposentada já residiu em Ituverava na Av. Odete de Souza Lourenço, no bairro Benedito Trajano Borges. Em Ituverava já
trabalhou no Hospital e Maternidade São Jorge, na Santa Casa e também prestou serviços como enfermeira
particular. Seu esposo Weber trabalhou na empresa Etecnica de Ituverava. Os bilhetes da Ação Entre Amigos que concorre à moto podem ser adquiridos na Estação Petiscaria ou com familiares. O portador terá dois números e concorrer pela extração do dia 22 de dezembro. No mês de junho, amigos estão se mobilizando para realizar
também uma feijoada em prol da campanha. A família de Ligia reside na avenida Emílio de Andrade, 59, Cohab II, em Guaíra. Os interessados em colaborar podem entrar em contato pelo telefone (17) 99978-4766 ou pelo WhatsApp
no mesmo número. Doações espontâneas também podem ser feitas através de depósitos na Conta: 19490-8 (poupança), Operação 013, na Caixa Econômica Federal, Agência 1202, em nome de Lígia Helena Neves.